Vida Política

Uma trajetória de sucesso!

Uma trajetória de trabalho e muitas conquistas para o Rio de Janeiro.

Reeleito pela quarta vez, em 2014, para a Câmara dos Deputados, Julio Lopes é Professor de Administração. Foi duas vezes presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano, relatou a Lei 11.445/2007, que estabeleceu o Marco Geral do Saneamento no Brasil, e a Lei 13.444/2017 que instituiu a Identidade Civil Nacional (ICN), a qual determina a identificação unívoca de todo cidadão por meio de foto, biometria e CPF.

Hoje, é criador e presidente da Comissão Mista de Desburocratização do Congresso Nacional, e membro permanente do Conselho Nacional pela Desburocratização, criado pela Casa Civil. Entre 2007 e 2014 o Deputado Federal Julio Lopes se dedicou, como Secretário Estadual de Transportes, a melhorar e desenvolver a mobilidade urbana do Estado do Rio de Janeiro.

E que com trabalho alcancemos mais conquistas e sorrisos para o nosso Rio de Janeiro.

Em forte atuação como vice-líder do governo Temer, o Deputado Julio Lopes se destacou na defesa da PEC 241. Conseguindo mobilizar a Câmara e contribuindo para que o Brasil coloque limites aos seus gastos.

Ha 4 mandatos sendo escolhido pelo DIAP (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar) um dos 100 Deputados Federais mais atuantes no Congresso, e um dos 10 mais dedicados e transparentes do Estado do Rio de Janeiro.

O projeto do presidente da Comissão Especial da Desburocratização, Julio Lopes, criará a Carteira de Trabalho Digital, onde empregador e empregado poderão acessar online todas as informações necessárias. #DesburocratizaJá

Julio Lopes apoia a regulamentação pelos municípios das regras do transporte individual privado, sendo determinada, priorizada e assegurada sempre a liberdade de escolha do cidadão.

Como Deputado Federal da bancada do Rio de Janeiro, Julio Lopes, se destacou na luta para que parte do Porto do Açu, localizado no norte-fluminense do estado, se torne uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE).

Como resultado desse empenho e como vice-líder do governo, Julio Lopes coordenou a assinatura em dezembro, do Memorando de Entendimento entre Brasil e Reino Unido, para cooperação na utilização da metodologia nas construções brasileiras. No Reino Unido o uso da metodologia é obrigatório nas obras públicas.

Como vice-presidente da Comissão Especial que analisa as mudanças na Lei das Licitações (8666/93), o Deputado Julio Lopes articula para que o BIM seja obrigatório nas concorrências de obras públicas. A adoção da metodologia tornará as contratações mais transparentes e impossibilitará fraudes.

E que com trabalho alcancemos mais conquistas e sorrisos para o nosso Rio de Janeiro.

Em forte atuação como vice-líder do governo Temer, o Deputado Julio Lopes se destacou na defesa da PEC 241. Conseguindo mobilizar a Câmara e contribuindo para que o Brasil coloque limites aos seus gastos.

Ha 4 mandatos sendo escolhido pelo DIAP (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar) um dos 100 Deputados Federais mais atuantes no Congresso, e um dos 10 mais dedicados e transparentes do Estado do Rio de Janeiro.

O projeto do presidente da Comissão Especial da Desburocratização, Julio Lopes, criará a Carteira de Trabalho Digital, onde empregador e empregado poderão acessar online todas as informações necessárias. #DesburocratizaJá

Julio Lopes apoia a regulamentação pelos municípios das regras do transporte individual privado, sendo determinada, priorizada e assegurada sempre a liberdade de escolha do cidadão.

Como Deputado Federal da bancada do Rio de Janeiro, Julio Lopes, se destacou na luta para que parte do Porto do Açu, localizado no norte-fluminense do estado, se torne uma Zona de Processamento de Exportação (ZPE).

Como resultado desse empenho e como vice-líder do governo, Julio Lopes coordenou a assinatura em dezembro, do Memorando de Entendimento entre Brasil e Reino Unido, para cooperação na utilização da metodologia nas construções brasileiras. No Reino Unido o uso da metodologia é obrigatório nas obras públicas.

Como vice-presidente da Comissão Especial que analisa as mudanças na Lei das Licitações (8666/93), o Deputado Julio Lopes articula para que o BIM seja obrigatório nas concorrências de obras públicas. A adoção da metodologia tornará as contratações mais transparentes e impossibilitará fraudes.

Julio Lopes criou o Bilhete Único, o primeiro sistema de integração intermunicipal do país, e o primeiro intermodal do Brasil, pensando exclusivamente na economia para o bolso do trabalhador. Com o Bilhete Único você se desloca de um ponto a outro da Região Metropolitana, gerando uma economia de até 50% no custo do transporte para o usuário.

Julio Lopes criou o Bilhete Único, o primeiro sistema de integração intermunicipal do país, e o primeiro intermodal do Brasil, pensando exclusivamente na economia para o bolso do trabalhador. Com o Bilhete Único você se desloca de um ponto a outro da Região Metropolitana, gerando uma economia de até 50% no custo do transporte para o usuário.

Como Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara, em 2005, lutou pela Regularização Fundiária nas comunidades da Rocinha e Vidigal para que todo morador tivesse sua residência legalizada.

Em Brasília, foi nomeado relator da Lei do Saneamento Nacional, umas das mais importantes leis aprovadas na história do Congresso, que instituiu o novo conjunto de regras e leis do setor.

Como Presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara, em 2005, lutou pela Regularização Fundiária nas comunidades da Rocinha e Vidigal para que todo morador tivesse sua residência legalizada.

Em Brasília, foi nomeado relator da Lei do Saneamento Nacional, umas das mais importantes leis aprovadas na história do Congresso, que instituiu o novo conjunto de regras e leis do setor.

Trabalho que faz acontecer.